sexta-feira, 11 de maio de 2018

Cannes 2018 — Dia 3



Terceiro dia foi marcado pela estreia de dois títulos badalados da seleção:

Cold War (filme do polonês Pawel Pawlikowski, vencedor do Oscar de filme estrangeiro em 2015 com Ida), elogiadíssimo drama romântico que surge nos falatórios como um frontrunner à Palma de Ouro.

Sorry Angel, drama francês do cultuado Christophe Honoré (Ma Mère, Canções de Amor), trata da relação entre dois homossexuais dentro de perspectivas não apenas amorosas, mas também políticas.

Ambos os trabalhos exibidos hoje na Croisette trazem recepções interessantes, mas não certeiras, já que a imprensa ainda continua disparando com alvos bem diferentes e resultados curiosos de se observar. Se há algum grande filme a surgir nessa edição, ele talvez ainda esteja por vir. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário