quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

impressões sobre o BAFTA


O BAFTA é também um dos prêmios mais importantes da temporada, e acabaram de ser anunciados os indicados ao Oscar do cinema britânico, que acaba também elegendo muitos trabalhos do cinema americano na sua lista. Os indicados podem ser encontrados nesse link aqui. Mas eu vou incluir alguns destaques aqui nesse texto:

1. indicação de Viola Davis, que no começo da temporada estava cotadíssima para o Oscar e caiu por não aparecer em premiações como o SAG ou o Globo de Ouro, é uma grata surpresa, numa categoria que está bastante concorrida e bem definida. Davis, na corrida do Oscar, tem concorrentes fortes como Emily Blunt, Yalitza Aparicio e Toni Collette, que disputam uma indicação ainda incerta. 

2. indicada novamente por Duas Rainhas, Margot Robbie pode ressurgir no Oscar em uma categoria que, pelo que tudo indica, pode estar fadada a uma reviravolta, ainda que estivesse com candidatas tão definidas. 

3. ainda há Regina King, esnobada no BAFTA, a mais forte concorrente ao Oscar, e que já foi deixada de fora da corrida do SAG. Vale lembrar que a atriz acabou de conquistar o Globo de Ouro pela sua atuação. 

4. em ator coadjuvante, a surpresa é a indicação de Sam Rockwell (Vice), lembrado no Globo de Ouro, cujas chances de aparecer no Oscar devem crescer com essa lembrança. 

5. o filme mais indicado, como era de esperar, foi A Favorita, com um número de 12 indicações. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário